Após bloqueio judicial, Baufaker adia compra da Itapemirim Transportes Aéreos

A decisão é temporária, até que ocorra até a realização da assembleia geral de credores do Grupo Itapemirim.


O empresário Galeb Baufaker Junior comunica ao mercado que adiou a aquisição da companhia aérea Itapemirim Transportes Aéreos, a ITA, até que ocorra a assembleia geral de credores do Grupo Itapemirim, que está em recuperação judicial e tem enfrentados entraves na justiça, devido suas dificuldades financeiras e problemas operacionais que afetam sua capacidade de gerar caixa.

Segundo o Galeb, a decisão de adiar a compra da aérea precisou ser tomada após a Justiça de São Paulo realizar o bloqueio dos bens do Grupo Itapemirim, e de seu proprietário Sidnei Piva, o que impediu a transferência da companhia para sua gestora de ativos.

O empresário pretende retomar as negociações após as definições da assembleia geral e fim do bloqueio judicial que o grupo Itapemirim enfrenta, para assim, poder transferir a empresa aérea para seus ativos e assim assumir as operações da mesma.



Matéria: Dimithri Vargas
Imagem: Divulgação


Nenhum comentário

As matérias apresentadas abaixo são fornecidas por DINO - Divulgador de Notícias.